NOTÍCIAS

10 DE NOVEMBRO DE 2021
Anoreg/RS e Fórum de Presidentes realizam reunião mensal para deliberação de pautas da classe notarial e registral

O encontro foi conduzido pelo presidente da Anoreg/RS, João Pedro Lamana Paiva, e transmitido por meio da plataforma Zoom

A Associação dos Notários e Registradores do Estado do Rio Grande do Sul (Anoreg/RS) e o Fórum de Presidentes das entidades notariais e registrais gaúchas realizaram, nesta terça-feira (09.11), reunião mensal para discutir pleitos e demandas da categoria. O encontro foi conduzido pelo presidente da Anoreg/RS, João Pedro Lamana Paiva, e transmitido por meio da plataforma Zoom.

A reunião iniciou com a atualização pelo assessor institucional da Anoreg/RS, Marcos Pippi, do andamento dos projetos relativos à atividade extrajudicial, assim como os próximos passos dos procedimentos de ações adotados pelas entidades notariais e registrais do RS acerca dos cartórios afetados pela Renda Mínima no estado.

Também foi salientado a conquista do selo Anoreg TOP no dia 25 de outubro. A Anoreg/RS passou pela auditoria do Programa Anoreg TOP, e conquistou o selo, que tem validade de um ano, com 92,59% de critérios atendidos no programa. A entidade também participou da auditoria virtual do primeiro Prêmio Nacional das Anoregs (PNA) no dia 28 de outubro, cuja cerimônia de premiação e divulgação dos resultados está marcada para o dia 25 de novembro.

Quanto à ouvidoria da Anoreg/RS, foram recebidas 123 mensagens de janeiro a novembro deste ano, sendo que 121 foram respondidas pelos cartórios e enviadas ao usuário, e duas mensagens estão pendentes de retorno. A ideia surgida durante a realização do Planejamento Estratégico da entidade para a criação de novo braço da Ouvidoria foi debatida entre os participantes. A finalidade é receber também denúncias de oficiais notários e registradores sobre conduta e ética profissional de colegas.

Outro ponto destacado foi a realização das eleições da Anoreg/RS neste ano. Na oportunidade, foi definido os integrantes que irão compor a Comissão Eleitoral. Também foi validada na ocasião a programação das ações em comemoração ao aniversário de 25 anos da Anoreg/RS, celebrado no dia 1º de fevereiro de 2022.

A reunião ainda tratou da campanha nacional Sinal Vermelho contra a Violência Doméstica, o movimento que conta com a participação dos Cartórios extrajudiciais ao lado da Associação dos Magistrados Brasileiros (AMB) e do Conselho Nacional de Justiça (CNJ) no desenvolvimento de ações práticas e institucionais de combate à violência doméstica. Os Cartórios gaúchos podem aderir à campanha preenchendo o Termo de Adesão do Cartório, e em seguida enviando-o para o email imprensa@anoregbr.org.br. Ao aderir ao projeto, recebem o selo oficial da campanha para inserir em sua papelaria e uma série de materiais de divulgação.

Ainda durante o encontro foi definido os integrantes da Comissão de estudo para criação de Regramento Eleitoral da Anoreg/RS e revisão das normas estatutárias, conforme o regramento da Anoreg/BR.  Os participantes também debateram a publicação do Provimento 038/2021 – CGJ-RS, que regulamenta a lavratura de escrituras públicas de permuta de bens imóveis com contrapartida de tokens/criptoativos e o respectivo registro imobiliário pelos Serviços Notariais e de Registro do Rio Grande do Sul.

A proposta de elaboração e assessoria na implantação de um Projeto Social Global, foi novamente pautado pelo presidente do Colégio Notarial do Brasil – Seção Rio Grande do Sul (CNB/RS), José Flávio Bueno Fischer, e foi avaliada pelos presidentes das entidades extrajudiciais gaúchas, assim como o estudo do impacto financeiro para custeio pelas entidades da proposta de Seguro de Vida por Morte para Notários e Registradores e o Fundo Notarial e Registral (FNR) para situações emergenciais. O relatório das ações realizadas no último mês pela entidade também foi pauta da reunião.

Também participaram do encontro o presidente do Colégio Registral do Rio Grande do Sul, Cláudio Nunes Grecco; o presidente da Associação dos Registradores de Pessoas Naturais do Rio Grande do Sul (Arpen/RS), Sidnei Hofer Birmann;  o presidente do Instituto de Estudos de Protesto do Rio Grande do Sul (IEPRO/RS), Romário Mezzari; a presidente da Cooperativa de Economia e Crédito Mútuo dos Notários e Registradores (Coopnore) e representante da Associação dos Registradores e Notários do Alto Uruguai e Missões – ARN, Margot Virgínia de Souza; a presidente da Fundação Escola Notarial e Registral do Rio Grande do Sul – Fundação Enore/RS, Juliana Follmer; a presidente do Instituto de Registo Imobiliário do Rio Grande do Sul (IRIRGS), Denize Alban; o presidente do Sindicato dos Serviços Notariais do Estado do Rio Grande do Sul, José Carlos Espig;  o tabelião titular do 14° Tabelionato de Notas de Porto Alegre, Ricardo Kollet; o assessor do deputado Elizandro Sabino, Rogenio Cavalar; o tesoureiro geral do Sindiregis, Edison Espindola; a secretária executiva da Anoreg/RS, Fabiana Teixeira; a gerente administrativa do Sindiregis, Juliana Salerno; a gestora administrativa do Colégio Registral do RS, Astrid Müller; e a secretária do Colégio Registral do RS, Aurora Ferreira; além das assessorias de comunicação do Colégio Registral do RS, Iepro/RS, Irirgs, Anoreg/RS e Arpen/RS.

Fonte: Assessoria de Comunicação – Anoreg/RS

 

 

 

Outras Notícias

Portal CNJ

24 DE JUNHO DE 2022
6º Balanço de Sustentabilidade mostra maior engajamento por Judiciário sustentável

A maior parte dos 90 tribunais do país mostra engajamento no esforço do Judiciário em contribuir para o bem-estar...


Anoreg RS

24 DE JUNHO DE 2022
Papel dos Registradores Imobiliários na regularização fundiária será tema de palestra no 89º ENCOGE

O Tribunal de Justiça do Estado de Mato Grosso do Sul (TJMS) sediará o 89º Encontro do Colégio de...


Anoreg RS

24 DE JUNHO DE 2022
SIGEF e SNCR auxiliarão Polícia Federal contra crime de grilagem de terras

O Acordo de Cooperação Técnica tem vigência de 60 meses, podendo ser prorrogado.


Anoreg RS

24 DE JUNHO DE 2022
CNJ altera portarias que dispõem sobre o Regulamento Geral da Corregedoria Nacional de Justiça

A função de Corregedor Nacional de Justiça será exercida pelo Ministro do Superior Tribunal de Justiça, por...


Anoreg RS

24 DE JUNHO DE 2022
Casa Verde e Amarela: anunciada regra para escolha de beneficiário

Dispõe sobre os procedimentos para a definição das famílias beneficiárias de empreendimentos habitacionais no...


Anoreg RS

24 DE JUNHO DE 2022
Assinatura digital x eletrônica: entenda qual é a diferença

Ambas as tecnologias são utilizadas constantemente no meio empresarial, tendo como principal objetivo validar a...


Anoreg RS

24 DE JUNHO DE 2022
Artigo – A fiança, a boa-fé e a outorga conjugal

Fiança se constitui em obrigação secundária do fiador pela satisfação do crédito do credor de obrigação...


Anoreg RS

24 DE JUNHO DE 2022
CAE pode votar recursos de habitação para regularização de favelas

Subprograma do Minha Casa, Minha Vida (PMCMV), o PNHU é voltado especificamente para as grandes cidades.


Anoreg RS

24 DE JUNHO DE 2022
CNJ Serviço: Pessoa trans pode alterar nome e gênero em cartório

A mudança de nome e gênero nos documentos é possível hoje em dia sem a necessidade de ação judicial.


Anoreg RS

24 DE JUNHO DE 2022
Condômino que exerce posse sem oposição do coproprietário pode pedir usucapião em nome próprio

Segundo o processo, uma mulher pediu o reconhecimento de sua propriedade sobre a fração ideal de 15,47% de vários...